POC
Sumarização Automática de Relatórios de Bug: um estudo exploratório de técnicas de ranking
2016-06-16
0

Aluna: Isabella Vieira Ferreira | Orientador: Prof. Dr. Elder José Reioli Cirilo

 

Resumo: Relatórios de bug são artefatos de software consultados regularmente, especialmente por conterem informações valiosas para muitas tarefas de gerenciamento de mudanças. Desenvolvedores os consultam quando precisam saber os problemas já reportados ou tem que investigar a solução de bugs anteriores. Entretanto, essa
atividade consome uma quantidade substancial de tempo, uma vez que o conteúdo dos relatórios de bug podem ter dezenas de comentários e milhares de frases. Uma solução recomendada e massivamente aplicada para impedir que os desenvolvedores leiam todo o relatório de bug, é resumir toda a conversa em algumas frases. Idealmente, os sumários dão aos desenvolvedores uma visão geral do status atual do bug e a sua causa, destacando os resultados de cada solução proposta, para quais ambientes quais soluções são as mais adequadas, e as informações necessárias para reproduzir o bug. Essa estratégia tem a intenção de minimizar o tempo que um desenvolvedor gastaria em tarefas de manutenção de software. No entanto, investigações demonstram que os sumários não satisfazem as expectativas dos desenvolvedores e, na prática, eles ainda tem que ler toda a discussão a cerca do bug. Para contornar esse problema, propomos um resumo com base no ranking de comentários, em vez dos baseados em frases isoladas, como proposto por trabalhos anteriores. Argumentamos que um ranking dos comentários mais relevantes permitem aos desenvolvedores encontrar informações mais apropriadas. Os resultados corroboram com nossa hipótese e mostram que os sumários gerados por algoritmos tradicionais de ranking são precisos no que diz respeito às informações que os desenvolvedores esperam encontrar em um sumário, quando comparado a sumários de referência criados manualmente.

 

Palavras-chaves: Sumarização de textos. Bug. Relatórios de bug. Ranking.

 

Trabalho completo disponível em: http://bit.ly/2edbr4f